CURSOS EA



CURSO DE FORMAÇÃO PRESENCIAL
Emergência Climática 
e os desafios da Educação Ambiental

todas as quartas de 04/03/2020 - 10/06/2020
Cuiabá: IE, UFMT
auditório 121, 1o. piso, 13:30 horas

REFERÊNCIAS
[txt 1] DALLA-NORA, Giseli; SATO, Michèle. Pontes nas securas das águas: reflexões sobre as mudanças climáticas e justiça climática em comunidades quilombolas. Ciência Geográfica - Bauru - Ano XXIII - Vol. XXIII - (1): Jan.-Dez., 2019

[txt 2FERREIRA, Carlos; SATO, Michèle. Fogo no Quilombo: aceiro de resistência no cotidiano de Mata Cavalo. Revista Sergipana de Educação Ambiental, Revisea, Sergipe, v.7, n2, p. 46-57, 2019.

[txt 3GOMES, Giselly; SATO, Michèle; SILVA, Regina. Mudanças Climáticas e as Pessoas com Deficiência Visual: reflexões sobre a (in)acessibilidade na Informação e na Comunicação. Rev. Eletrônica Mestr. Educ. Ambiental. Rio Grande, v. 36, n. 1, p. 129-145, jan./abr. 2019.

[txt 4HARAWAY, Donna. Anthropocene, Capitalocene, Plantationocene, Chthulucene: Making Kin. Environmental Humanities, vol. 6,  pp. 159-165, 2015.
TraduçãoClimaCom Cultura Científica - pesquisa, jornalismo e arte Ι Ano 3 - N. 5 / Abril de 2016 / ISSN 2359-4705

[txt 5LUIZ, Thiago; SATO, Michèle. Devaneio em chamas: Bachelard põe a mão no fogo pelo imaginário. R. Educ. Pública., Cuiabá, v. 28, n. 69, p. 703-716, set./dez. 2019.

[txt 6SANTOS, Déborah; SATO, Michèle; GOMES, Giselly; MARTINE, Rafael. Colapso climático no olho do furacão. In: WERNER, I.; SATO, M.; SANTOS, D. (Orgs.) Relatório Estadual no. 5, 2019 do Fórum de Direitos Humanos e da Terra. Cuiabá: Fórum dos Direitos Humanos e da Terra & Associação Antônio Vieira, p. 90-96, 2019.

[txt 7SATO, Michèle; SILVA, Regina; JABER-SILVA, Michelle. Educação ambiental - tessituras de esperanças. Cuiabá: Ed, Sustentável & Ed. UFMT, 2018, 101 p, il.

[txt 8SENRA, Ronaldo; SATO, Michèle; MEDEIROS, Heitor. Entre os desafios da governabilidade e da governança: quais desdobramentos do Projovem Campo, MT? Revista Vozes dos Vales – UFVJM – MG – Brasil – Nº 14 – Ano VII – 10, 2018

[txt 9] SILVA JR, Antônio et al. Indicadores de vulnerabilidade, risco socioambiental e ordenamento territorial no bairro Montese, Belém-PA. COSTA, R. (Org.) Riscos, vulnerabilidades e condicionantes urbanos (Série Estudos Reunidos, v. 8). Jundiaí: Paco Ed., p. 45-64, 2019.

[txt 10SOUZA, Cássia; SATO, Michèle. Justiça climática e educação ambiental. In: PEREIRA, V.; MADEIRA, M.; SOUZA, E.; STEUCK, E. (Orgs.) Educação Ambiental em tempos de crise: por uma Ontologia da Esperança. Juiz de Fora: Garcia Edizioni, p. 59-74, 2019.
APRESENTAÇÕES
Capitaloceno
Michèle Sato - 04/03/2020

Rede Pan-Amazônica
Marilena Loureiro - 04/03/2020
[download parte 1]
[download parte 2]

Processos formativos em tempos de emergência climática
Elni Willms
Giselly Gomes
Irineu Tamaio
[download]




LISTA DE APROVADOS EXTERNOS
1 Alessandra Lucas Boa Sorte
2 Cleverson Carlos El Hage
3 Djane Gomes Marquardt
4 Giancarlo Boaventura Batista
5 Gilberto Rezende de Almeida França
6 Hermógenes Benevides
7 José Vitor Botter Fasoli
8 Josiane do Espirito Santo Santana
9 Julianne Yukie da Silva Fukushima
10 Katiuska Tereza Azambuja Salgado
11 Marcela Marques Silva
12 Maria Aparecida do Nascimento
13 Maria da Guia de Campos
14 Naielly Christhiny Paz Rodrigues
15 Priscila Letícia França de Morais
16 Rozélha Barbosa da Silva
17 Rosemil Conceição do Bom Despacho
18 Selma de Souza Nunes
19 Sikes Gomes
20 Thiago Fernandes
.....
APROVADOS INTERNOS
Adriana Barbosa Sales
Aleth da Graça Amorim
Aluizio Azevedo
Barbara Yadira Mellado-Perez
Carlos Roberto Ferreira
Cássia Fabiane Santos Souza
Cristiane Carolina de Almeida Soares
Débora Pedrotti-Mansilla
Déborah Luiza Moreira Santana Santos
Denize Aparecida Rodrigues Amorim
Elni Elisa Willms
Eronaldo Assunção Valles
Flavia Lopes Bertier
Giseli Dalla-Nora
Giselly Rodrigues das Neves Silva Gomes
Irineu Tamaio
Jéssica Prudencio Trujillo Souza
Kathy de Freitas Marinho dos Reis
Marilena Loureiro
Michèle Sato
Priscilla Mona de Amorim
Raquel Batista Ramos
Roberta Moraes Simione
Romário Jales
Ronaldo Eustáquio Senra
Tatiani do Carmo Nardi
Thiago Cury Luiz
Vitor Maciel Mello

1) DADOS GERAIS
Universidade Federal de Mato Grosso, UFMT
Instituto de Educação, IE
Programa de Pós-Graduação em Educação, PPGE
Linha de Pesquisa: Movimentos sociais, política e educação popular
Grupo Pesquisador em Educação Ambiental, Comunicação e Arte, GPEA
Título do Seminário: Emergência climática e os desafios da educação ambiental
Carga Horária: 40h
Curso: aberto ao público [30 vagas]
Data(s):
MARÇO: 4, 11, 18, 25
ABRIL: 15, 22, 29
MAIO: 13, 20, 27
JUNHO: 10

Horário(s): 14-18 horas
Sala: auditório 121 [1º. piso, próximo ao curso de Psicologia]
Palestrante(s) Externos Convidado(s):
·        Irineu Tamaio, UnB: Clima e água no contexto da escola
·        Marilena Loureiro, UFPA:  Rede Pan-amazônica de justiça climática


2) EMENTA
O Grupo Pesquisador em Educação Ambiental, Comunicação e Arte (GPEA) tem desenvolvido pesquisas sobre a crise climática desde o ano de 2012, e hoje lidera uma rede internacional de 5 países e 17 entidades. Nossas pesquisas com diversos grupos sociais revelam que a população desconhece a crise climática, fruto de uma política que invisibiliza os desastres do clima em função de interesses econômicos da minoria. Com as pesquisas fortalecidas pelas dissertações e teses, o projeto visa comunicar o clima por meio de processos formativos.   O GPEA busca promover um fórum de debate com temáticas atuais, com os atores das escolas e das comunidades, professores, técnicos, estudantes ou atuantes das organizações não-governamentais.  Como forma de sustentabilidade de ações, o projeto visa continuar os diálogos com a Rede Mato-grossense de Educação Ambiental (REMTEA), que possui conexões com educadores ambientais do Brasil e mundo. Buscamos uma perspectiva de fortalecer a “Coalizão pelo Clima”, construído em setembro de 2019, que trouxe diversos parceiros atuantes na dimensão climática, tendo a UFMT como coordenadora das atividades.


3) OBJETIVOS
Proporcionar oportunidades formativas no contexto da invisibilização climática, por meio de argumentos científicos, resultados de investigações e vivências sociais. Contextualizar a emergência climática como fato, ocasionado pela grande aceleração desenvolvimentista, seus desastres, agravos e grupos sociais em situação de vulnerabilidade. Debater a possibilidade da educação ambiental, seus desafios e suas contribuições.


4)  CONTÉÙDO PROGRAMÁTICO
·        Era geológica: antropoceno, capitaloceno e cthulhuceno
·        Negacionismo e ceticismo: a política e a ciência
·        Escola: formação de professores, ensino e aprendizagem, ambientalização curricular e pessoas com deficiências (pcd)
·        Arte, saúde e comunicação: escolas, ciganos e transmídia
·        Pan-amazônia: rede de diálogos
·        Campo: decolonialidade e comunidades
·        Quilombo: clima e educação popular
·        Mulheres: negras e haitianas
·        LGBT: ambiente, migração e psicologia social
·        Migração climática: histórico, crianças, Cuba, Venezuela, Moçambique e Ciganos


5) PROCEDIMENTOS DE ENSINO (técnicas, recursos e avaliação)
Exposição teórica, fórum de debates, diálogos de aprendizagens.


6) COMISSÃO ORGANIZADORA (Docentes e Discentes)
Cássia Souza (professora IE)
Déborah Santos (doutoranda PPGE)
Michèle Sato (professora IE, Coord.)
Priscilla Amorim (doutoranda PPGE)
Tatiani Nardi (graduação, Pedagogia)


7) RECURSOS (humanos, técnicos e materiais necessários para o ensino a serem viabilizados pelo Departamento/Unidade).
Auditório, data show, microfone, caixa de som.

8) AVALIAÇÃO
Processual, por meio de diálogos, debates e aprendizagens coletivas. Assiduidade, sociabilidade e participação.

0) INSCRIÇÃO
O curso e a inscrição são gratuitos, mas haverá seleção conforme os critérios:
1.       Preenchimento completo da ficha de inscrição (anexo A)
2.      Envio para gpea@ufmt.br
3.       Ter vivência prévia no campo da educação ambiental

* IMPORTANTE: É preciso dar download do documento em anexo, preencher o anexo A e encaminhá-lo para: gpea@ufmt.br até o dia 2 de março.  no dia 3 de março, soltaremos a lista de aprovados.


MINISTRANTES
Adriana Barbosa Sales
Aleth da Graça Amorim
Aluizio Azevedo
Barbara Yadira Mellado-Perez
Carlos Roberto Ferreira
Cássia Fabiane Santos Souza
Cristiane Carolina de Almeida Soares
Débora Pedrotti-Mansilla
Déborah Luiza Moreira Santana Santos
Denize Aparecida Rodrigues Amorim
Elni Elisa Willms
Eronaldo Assunção Valles
Flavia Lopes Bertier
Giseli Dalla-Nora
Giselly Rodrigues das Neves Silva Gomes
Irineu Tamaio
Jéssica Prudencio Trujillo Souza
Kathy de Freitas Marinho dos Reis
Marilena Loureiro
Michèle Sato
Priscilla Mona de Amorim
Raquel Batista Ramos
Roberta Moraes Simione
Romário Jales
Ronaldo Eustáquio Senra
Tatiani do Carmo Nardi
Thiago Cury Luiz
Vitor Maciel Mello

COMISSÃO ORGANIZADORA
Cássia Souza
Déborah Santos (doutoranda PPGE)
Michèle Sato (coordenadora)
Priscilla Amorim (doutoranda PPGE)
Tatiani Nardi (graduação, Pedagogia)


Cuiabá, 12/02/2020.

 ANEXO A - FICHA DE INSCRIÇÃO




* IMPORTANTE
É preciso dar download do documento em anexo, preencher o anexo A (ficha de inscrição) e encaminhá-lo para: gpea@ufmt.br






download:



___________________________________

Nome completo:
RG:
CPF:
E-mail:
Celular/Telefone:
Local que trabalha (ou estuda):
Formação:

Escreva uma breve narrativa sobre sua vivência prévia em Educação Ambiental (palestra, aula, evento, laboratório, atividades pontuais, pesquisa).
* O texto deve conter até 500 caracteres com espaço – usar contagem de palavras no word.
___________________________________
























ORGANIZAÇÃO
Grupo Pesquisador em Educação Ambiental, Comunicação e Arte - GPEA
Rede Mato-grossense de Educação Ambiental - REMTEA
Rede Internacional de Educação Ambiental e Justiça Climática - REAJA
Universidade Federal  de Mato Grosso - UFMT


  



 


















No comments: