Posts

Showing posts from October, 2015
MOÇÃO do GT 22 – Educação Ambiental aprovado na 37ª Reunião Nacional da ANPEd
Florianópolis, 07 de outubro de 2015
Os Grupos de Trabalho da ANPED abaixo listados, pesquisadores e participantes da facilitação de redes de Educação Ambiental da Região Sul (REASUL, REA PARANÁ, REMATEA, LINHA ECOLÓGICA) e demais redes da malha da Rede Brasileira de Educação Ambiental – REBEA, referendando o que foi aprovado na CARTA DE GUARAPUAVA, durante o XIV Encontro Paranaense de Educação Ambiental – EPEA, em Guarapuava-PR; no I Encontro de Integração dos Grupos de Trabalho de Educação Ambiental de Santa Catarina e do II Encontro Blumenauense de Educação Ambiental, organizados pelo Grupo de Trabalho de Educação Ambiental da Região Hidrográfica 7, em Santa Catarina, manifestam seu apoio ao Comitê Assessor do Órgão Gestor da Política Nacional de Educação Ambiental, coordenados pela Diretoria de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente (DEA/MMA), e Coordenadoria Geral de Educação Ambiental (CGEA/M…

Carta da 37ª ANPED

37ª Reunião Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação - ANPEd
PNE: TENSÕES E PERSPECTIVAS PARA A EDUCAÇÃO PÚBLICA BRASILEIRA CARTA DE FLORIANÓPOLIS
07 DE OUTUBRO DE 2015
A 37ª Reunião Nacional da ANPEd, realizada em Florianópolis no período de 04 a 08 de outubro de 2015 (http://www.anped.org.br/), congregou mais de dois mil e quinhentos professores e estudantes da pós-graduação e demais pesquisadores em educação do Brasil e de outros países, com o objetivo de socializar os conhecimentos produzidos na área, analisar e debater os problemas, desafios e rumos da educação em nosso país, tendo por base a urgente tarefa de contribuir para a constituição de uma educação pública de qualidade, gratuita e laica, com participação popular na formulação das políticas educacionais.
A 37ª Reunião Nacional da ANPEd ocorre em um momento conjuntural, em que a sociedade brasileira passa por uma profunda crise econômica, que se articula à crise internacional do capitalismo. Loc…

Você é envenenado diariamente. Mas o lobby dos agrotóxicos fala mais alto

Leonardo Sakamoto 04/10/2015
“Faltam estudos que comprovem prejuízos à saúde provocados por produtos usados adequadamente.” “Não há evidências científicas de que, quando usados apropriadamente, causem efeito à saúde.” Eu adoro o discurso usado na defesa do indefensável! Mas tem que ter classe para saber usá-lo, criar o contexto correto, ter cara-de-pau, parecer acreditar naquilo. Quem já assistiu ao filme “Obrigado por fumar”, de Jaison Reitman, com Aaron Eckhart, que satiriza a indústria do tabaco e as associações de lobby que atuam nos Estados Unidos, muitas vezes como “mercadores da morte'', sabe do que estou falando. É engraçado ver o discurso cínico do protagonista do filme e imaginar quantos cidadãos caem nesse mimimi na vida real. Mas a história fica trágica quando verificamos que os mesmos discursos são descarregados sobre nós diariamente para justificar qualquer coisa. Entre elas, a expansão agropecuária irracional no Brasil. E a gente, claro, engole feito um bebê. Pe…