Thursday, 10 July 2014

unesp - livros pra download


Boa tarde!

Recebi de uma professora amiga minha e compartilho abaixo uma relação de e-books gratuitos para downloads, publicados pela UNESP, de Marília, pois os mesmos podem ser úteis nas pesquisas...

Aproveito também para compartilhar um livro interessante sobre domínio público, que também se encontra em domínio público e pode ser baixado gratuitamente:

Abraços a todos!

Carlos


RELAÇÃO DE TODOS OS LIVROS ENCONTRADOS NO LINK ABAIXO

capa-marta.jpgTÍTULO:Estudos avançados em Arquivologia
ASSUNTO: Ciência da Informação

Organizador: Marta Lígia Pomim Valentim 
ISBN: 978-85-7983-266-6PÁGINAS: 318
ANO: 2012

 

 
A coletânea de textos que compõem o livro Estudos Avançados em Arquivologia apresenta quinze capítulos elaborados por dezesseis autores de instituições brasileiras, espanholas e portuguesas. O primeiro capítulo trata da gestão documental em ambientes empresariais; na sequência apresenta-se a avaliação de arquivos aplicando instrumentos de medição; o terceiro capítulo enfoca a fotografia como documento de arquivo; os paradigmas arquivísticos de investigação são tratados no quarto capítulo; a documentação imagética para a constituição da memória é enfocada no quinto capítulo; na sequência apresenta-se a grounded theory como método de investigação aplicado à Arquivologia; o sétimo capítulo apresenta uma reflexão sobre a pesquisa na área de Arquivologia destacando sua evolução; a importância da descrição arquivística para o posterior acesso e recuperação de documentos é destaque do oitavo capítulo; a formação do profissional arquivista no Brasil é tema do nono capítulo; na sequência a 'identificação' é apresentada como uma metodologia de pesquisa para o campo da Arquivologia; o décimo primeiro capítulo apresenta uma reflexão sobre o diálogo existente entre a Arquivologia, a Biblioteconomia, a Museologia e a Ciência da Informação; a tipologia documental como instrumento para a seriação de documentos é tema do décimo segundo capítulo; na sequência apresenta-se a mediação da informação no âmbito da Arquivologia; o décimo quarto capítulo apresenta uma reflexão sobre a aproximação conceitual da Arquivologia com a abordagem da gestão da informação e do conhecimento; o décimo quinto e último capítulo debate a relação entre a tipologia documental e o processo decisório.
bibopolitica.jpgTÍTULO:Biopolítica, Arte de Viver e Educação
ASSUNTO: Educação

Organizadores: Pedro Angelo Pagni;Sinésio Ferraz Bueno & Rodrigo Pelloso Gelamo
ISBN: 978-85-7983-274-1PÁGINAS: 304
ANO: 2012

 

 
O tema da Biopolítica nos remete ao diagnóstico do presente, desenvolvido originalmente por Michel Foucault e, posteriormente, aprofundado por outros filósofos contemporâneos, como Giorgio Agamben, sem contar que filósofos como John Dewey, Jürgen Habermas, dentre outros, o tangenciaram. Para parte desses filósofos, uma dimensão da vida humana teria sido abandonada para que se restringisse a um tipo de racionalidade, àquilo que pode ser regulamentado pelo Estado e governado politicamente pelas diversas artes de governos espalhadas pela sociedade civil. Se, na crítica feita por alguns desses filósofos em relação à reconciliação entre a vida e o mundo, por meio de uma racionalidade e de uma pragmática específica, da parte de outros essa reconciliação seria impossível, provocando um pensar constante e a assunção de uma atitude ética e política de resistência ao existente. Diante desse dilema atual, algumas perspectivas filosóficas educacionais advogaram a integração da vida à escola e um tipo de pragmática do ensino capaz de integrar os elementos daquela aos princípios da cognição e da unidade lógica discursiva presentes nesta. Por sua vez, outras insistiram em manter aberta a tensão entre vida e escola, elegendo-a como um campo privilegiado para se compreender os processos de subjetivação e para se proporcionar um reflexionamento ético sobre a ação pedagógica, a atividade docente e a proposição de novos problemas ao ensino de Filosofia. É no âmbito do embate dessas perspectivas que se discutiu o tema em questão, nesta coletânea.
figura-claudia.jpgTÍTULO: As tecnologias nas práticas pedagógicas inclusivas
ASSUNTO: Educação Especial

Organizadores: Claudia Regina Mosca Giroto; Rosimar Bortolini Poker & Sadao Omote
ISBN: 978-85-7983-259-8PÁGINAS: 238
ANO: 2012

 

 
Um grande desafio para capacitar os professores para a educação inclusiva diz respeito ao domínio da ampla tecnologia disponível hoje, que pode ser utilizada no processo ensino-aprendizagem de estudantes que apresentam as mais variadas necessidades especiais, em particular, aquelas decorrentes de graves comprometimentos constitucionais. Adaptações podem ser necessárias nos recursos tecnológicos, assim como novos recursos devem ser idealizados em função das peculiaridades de alunos com necessidades mais acentuadamente diferenciadas. Este livro representa uma pequena amostra das possibilidades de uso de tecnologias nas práticas pedagógicas que se destinam a prover ensino de qualidade a todos os estudantes, independentemente das diferenças.
figura-miguel.jpgTÍTULO: Educação e saúde de grupos especiais
ASSUNTO: Educação e Saúde

Organizadores: Miguel Claudio Moriel Chacon & Maria José Sanches Marin
ISBN: 978-85-7983-253-6PÁGINAS: 204
ANO: 2012

 

 
Este livro aborda aspectos da educação e saúde na perspectiva da complementariedade e considera estratégico o encontro das mesmas para propostas que visem melhorias nas condições de vida e saúde de grupos especiais. Apresentam-se desde abordagens educacionais mais amplas a condições mais específicas como alguns transtornos genéticos que demandam ações especiais. Permeando o contexto educacional, a humanização da atenção é ressaltada enquanto condição essencial para o resgate da dignidade humana em diferentes contextos de vida, de adoecimento e de morte. Enfatiza-se o respeito e a ética nas relações e nas ações dos profissionais envolvidos com tal população. Para esta abordagem, reuniram-se contribuições de profissionais da educação e da saúde filiados á instituições renomadas de diferentes estados e nacionalidade, que atuam na pesquisa e no campo prático com grupos especiais.

capa-ebook-politica-de-indexacao.jpgTÍTULO: Política de Indexação
ASSUNTO: Ciência da Informação

Editores: Isidoro Gil Leiva & Mariângela Spotti Lopes Fujita
ISBN: 978-85-7983-199-7PÁGINAS: 260
ANO: 2012

 

 
Este livro é resultado da colaboração científica entre os pesquisadores Profa. Dra. Mariângela Spotti Lopes Fujita da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”, Campus de Marília, e Prof. Dr. Isidoro Gil Leiva da Universidade de Murcia, Espanha, que trabalham com a temática política de indexação sob diferentes perspectivas. Em especial, decorre da pesquisa “Política de indexação para bibliotecas” junto ao CNPq com bolsa Produtividade em Pesquisa, nível 1C, da Profa. Dra. Mariângela Spotti Lopes Fujita cujo desenvolvimento tem propiciado orientações de várias pesquisas e publicações nesta temática com os demais autores deste livro. Nesse sentido, o objetivo comum de todos os autores é apresentar estudo sobre política de indexação sob três diferentes aspectos: teórico, metodológico e pedagógico. Os capítulos do livro foram organizados em três partes antecedidas pelo capítulo 1: Aspectos Teóricos (Parte I); Aspectos Metodológicos (Parte II); Aspectos Pedagógicos (Parte III) e Considerações finais (Parte IV). A primeira parte, composta por cinco capítulos, dedica-se à perspectiva teórica sobre a política de indexação. O capítulo seguinte, o sétimo, compõe a segunda parte que dedica-se a analisar os aspectos metodológicos para a elaboração de política de indexação. A terceira parte do livro, composta por dois capítulos, visa os aspectos concernentes à uma ação pedagógica para a elaboração de manual de política de indexação tanto na formação inicial como na formação continuada do catalogador. No décimo e último capítulo da quarta parte, é dedicado às considerações finais com vistas às Perspectivas da política de indexação para a formação e atuação profissional de bibliotecários.
figura-cristina.jpgTÍTULO: Iluminando a face escura da lua: homenagem a Roberto Cardoso de Oliveira
ASSUNTO: Ciências Sociais

Organizadora: Christina de Rezende Rubim
ISBN: 978-85-7983-242-0PÁGINAS: 176
ANO: 2012

 

 dvd.jpg
A IXª Jornada de Estudos de Ciências Sociais, pela primeira vez, teve como objetivo dialogar com a obra de um antropólogo. O professor Roberto Cardoso de Oliveira, autor fundamental na construção institucional da antropologia brasileira, é responsável pela formação de várias gerações de antropólogos atuantes hoje em todos os cantos do Brasil e exterior. Discutir a obra de Cardoso de Oliveira é também repensar criticamente a história da disciplina entre nós, abordando os aspectos fundamentais do seu pensamento, de sua trajetória acadêmica, influências e polêmicas ao qual o autor não ficou isento. Podemos dizer que esse evento foi um divisor de águas para o campo da antropologia na Faculdade de Filosofia e Ciências. O professor permaneceu uma semana em Marília dialogando com os nossos convidados e alunos, ouvindo humildemente suas críticas e contribuições. Nossos alunos se surpreenderam com o que viram e participaram da organização, filmagens, conversas, palestras e da oficina de antropologia visual oferecida por Cornelia Eckert e Ana Luiza Carvalho da Rocha que foi editada pelo Laboratório de Antropologia Social-PPGAS/UFRGS e distribuída juntamente com o livro organizado pela professora Christina de Rezende Rubim, também coordenadora geral do evento. Infelizmente, em julho de 2006, Roberto Cardoso de Oliveira faleceu sem desfrutar do produto desse evento que ficou para ele, como um momento de emoção intensa, rememorando sua vida, sua obra, seus alunos e o encontro com as novas gerações. Como pessoa e mestre, sempre foi uma referência, não somente pelos seus textos, mas pela sua presença como professor, ensinando e nos instigando intelectualmente.
  capaebook.jpgTÍTULO: Relações Internacionais: pesquisa, práticas e perspectivas
ASSUNTO: Ciências Sociais e Relações Internacionais

Organizadores: Sérgio Luiz Cruz Aguilar & Hevellyn Menezes Albres
ISBN: 978-85-7983-240-6PÁGINAS: 272
ANO: 2012

 

 
Este livro apresenta ensaios e artigos de acadêmicos, diplomatas e pesquisadores que participaram da 9ª Semana de Relações Internacionais, seminário internacional realizado na Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP – Campus de Marília – SP, em agosto de 2011. Os textos, de autores com diferentes formações e trajetórias, e de diversos países constitui um estimulante indicador da preocupação pelo aprofundamento dos estudos e da produção acadêmica na área das Relações Internacionais.
  marcelo-capa.jpgTÍTULO: Gestão municipal, cooperação técnica internacional e financiamento externo
ASSUNTO: Ciências Sociais e Relações Internacionais

Autor: Marcelo Fernandes de Oliveira & Ana Maria Azevedo
ISBN: 978-85-7983-143-0PÁGINAS: 103
ANO: 2011

 

 
Este livro busca compreender na teoria e na prática como vem ocorrendo os processos de inserção internacional de governos municipais nas formas de cooperação técnica internacional e financiamento externo. Suas contribuições principais são: teórica, didática e profissional. No tocante às contribuições teóricas, o livro apresenta uma análise prospectiva dos principais tipos de cooperação internacional e financiamento externo presentes no mundo. E demonstra como os municípios brasileiros podem aproveitar desta tendência global. No aspecto didático, o livro permite aos seus leitores aprofundarem, consolidarem e internalizaram um novo debate essencial à compreensão de fenômenos recentes da relação entre as disciplinas de Gestão Pública e Relações Internacionais. E no âmbito profissional o livro proporciona uma oportunidade de aprimorar a capacidade analítica e prática daqueles que trabalham e/ou pretendem atuar nesta área, possibilitando-lhe a percepção e o esclarecimento do relevante papel que os atores subnacionais podem vir a desempenhar na dinâmica estrutural da sociedade internacional contemporânea. Paralelamente, proporciona também aos seus leitores novas oportunidades práticas e perspectivas reais de profissionalização na interseção entre as áreas de Gestão Pública e Relações Internacionais.
  no-radio-e-book.jpgTÍTULO: No rádio e nas telas: o rural da música sertaneja em sua versão cinematográfica 
ASSUNTO: Ciências Políticas
Autor: Odirlei Dias Pereira
ISBN: 978-85-7983-200-0PÁGINAS: 222
ANO: 2011

 

 
Este livro trata de cinema. Os filmes tomados como objeto deste estudo foram alguns daqueles que levaram para a grande tela duplas de cantores famosos da produção musical de temática caipira/sertanejo. Neste caso, a produção cinematográfica nacional tomou alguns elementos da cultura de massa brasileira em uma de suas vertentes mais acabadas e consumidas, a música caipira/sertaneja, na esperança de levar às salas de cinema um grande número de espectadores, fato nem sempre alcançado como este livro mostra. Contudo, quando essas canções caipira/sertanejas de sucesso foram relidas pelo cinema, elaborou-se um tipo específico de representação do rural brasileiro em cada uma das fitas. Percebemos que a indústria cultural brasileira, no período focalizado por esta pesquisa, releu, deu nova roupagem a elementos da cultura de origem rural, tornando-a assim palatável para o consumo, uma vez que estes elementos quando vistos em sua forma original soariam como arcaico, caipira, isto é, rural. E estas questões são aqui discutidas através das fitas: Luar do sertão (1970), Menino da Porteira (1976), Estrada da Vida (1980), Sonhei com você (1987) e 2 filhos de Francisco(2005).
  crisedocapitalismo.jpgTÍTULO: Crise do Capitalismo: questões internacionais e nacionais 
ASSUNTO: Ciências Políticas
Organizadores: José Marangoni Camargo; Francisco Luiz Corsi; Rosângela de Lima Vieira
ISBN: 978-85-7983-188-1PÁGINAS: 188
ANO: 2011

 

Crise do capitalismo: questões internacionais e nacionais apresenta  o conjunto de textos apresentados no X Fórum de Análise de Conjuntura, ocorrido em setembro de 2010, às vésperas das eleições para a presidência da república brasileira numa conjuntura internacional instável e marcada por profunda crise econômica, política e social. O Fórum é um evento anual e tradicional da Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP e consiste em discussões de temas candentes da conjuntura política e econômica nacional e internacional.  Nessa edição, teve por objetivo discutir o processo eleitoral e as perspectivas para o Brasil em um contexto de aguda crise do capitalismo global, que parecia, até pouco tempo, caminhar para a recuperação. Mas os recentes acontecimentos na Grécia e em Portugal acabaram por atingir toda a União Européia, denotam que a crise está longe de ser solucionada e colocam novos desafios para o Brasil, justamente no momento em que o modelo econômico, a política externa e a forma de conduzir a política, adotados por Lula estão em discussão, e o novo governo tenta driblar o reaparecimento da inflação. Em termos mais gerais, as questões do grau de autonomia dos estados nacionais ante a globalização dos mercados e das estratégias de crescimento econômico social perpassam todo o debate.
  capa_isihele.jpg
R$ 25,00
TÍTULO: Alfabetização no Brasil: uma história de sua história 
ASSUNTO: Educação
Organizadora: Maria do Rosário Longo Mortatti
ISBN: 978-85-7983-178-2PÁGINAS: 312
ANO: 2011

 

Como avalia Anne-Marie Chartier, “Em 1980, a história do ensino da leitura era somente um capítulo da história do ensino. [...] Em 2010, a história do ensino da leitura tornou-se um capítulo essencial da história cultural das sociedades ocidentais.” Também no Brasil, pesquisadores vinculados a diferentes programas de pós-graduação e grupos/núcleos de pesquisa vêm estudando a história da alfabetização, com ênfase nos séculos XIX e XX, em diferentes contextos regionais e com base em diferentes fontes documentais, vertentes teóricas e abordagens metodológicas. Um balanço desse conhecimento acumulado ao longo das duas últimas décadas foi apresentado e discutido no I SIHELE – Seminário Internacional sobre História do Ensino de Leitura e Escrita, realizado, em 2010, na Faculdade de Filosofia e Ciências da Universidade Estadual Paulista (UNESP) - campus de Marília, do qual resulta este livro. O conjunto de textos aqui reunidos possibilita, assim, compreender como se vem produzindo uma história da história da alfabetização no Brasil e como se vem constituindo o correspondente campo de conhecimento. Marcadamente interdisciplinares, essa história e esse campo estão centrados em um conceito brasileiro de alfabetização, entendido como processo de ensino e aprendizagem iniciais da leitura e da escrita, que envolve diferentes facetas — conforme apontadas por Magda Soares — e se relaciona diretamente com demandas educacionais, sociais e políticas de nosso tempo. No diálogo direto com publicações que tematizam a alfabetização no Brasil - de pontos de vista histórico, didático, linguístico, psicológico, dentre outros -, o que aqui se apresenta instiga à formulação de muitas outras possibilidades, como avalia Carlota Boto: “[...] há um futuro que pode ser construído pela integração e pela articulação de projetos e de resultados de pesquisas já consolidadas.  [...] A primeira pedra dessa construção foi aqui lançada. O leitor, pela leitura, certamente confirmará a expectativa de que este livro traduz-se como momento de chegada, mas também como ponto de partida de uma nova expedição”.
capa_jean_piaget_e-book.jpg
R$ 25,00
TÍTULO: Jean Piaget no século XXI: escritos de epistemologia e psicologia genéticas 
ASSUNTO: Educação
Organizador: Adrián Oscar Dongo Montoya et al.
ISBN: 978-85-7983-165-2PÁGINAS: 236
ANO: 2011

 


R$ 25,00
TÍTULO: Desafios da prática antropológica: relatos, pesquisas e reflexões contemporâneas
ASSUNTO: Ciências Sociais
Organizador: Andreas Hofbauer
ISBN: 978-85-7983-139-3PÁGINAS: 132
ANO: 2011
 

 Os textos que compõem esta coletânea refletem a diversidade dos trabalhos, tanto no que diz respeito a questões temáticas, quanto no que se refere às opções teóricas e metodológicas, que são desenvolvidas junto à Unesp. Alguns 'relatos' apresentados pelos docentes referem-se a uma pesquisa bem delimitada, enquanto outras contribuições entretecem momentos de pesquisa e trajetória intelectual, e outros 'relatos' ainda centram as suas avaliações nas condições adversas, nos foros acadêmicos, para a produção de conhecimento a partir de um olhar crítico-antropológico 
TÍTULO: Léxico de frequência do português falado na cidade de São Paulo (Projeto NURC)
ASSUNTO: Ciências da Informação
AUTORES: Enzo Del Carratore & Jayme Laperuta Filho
ISBN: 978-85-7983-155-3PÁGINAS: 303
ANO: 2011


 Este Léxico de Frequência deseja ser mais uma contribuição ao já elevado contingente de trabalhos desenvolvidos no país sobre o Projeto NURC, cujo acervo hoje representa uma fonte inesgotável de material para os pesquisadores das diversas áreas da ciência linguística.
A intenção inicial era a de elaborar um Léxico da língua portuguesa contemporânea falada no Brasil, utilizando o acervo lexical coletado nas cinco cidades onde o Projeto NURC se desenvolve, ou seja, São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Salvador e Porto Alegre, o que sem dúvida traria, com a maior abrangência, um maior interesse aos resultados da pesquisa. No entanto, a fixação de outras prioridades por parte da Coordenação do Projeto acabou por inviabilizar a intenção original, levando-me a reformular o plano previsto, restringindo seu alcance e limitando-o aos dados recolhidos na cidade de São Paulo, onde os coordenadores locais, Ataliba T. de Castilho e Dino Preti (USP), manifestaram seu apoio e asseguraram sua cooperação. Portanto, este Léxico, longe de definitivo, deve ser considerado um trabalho exploratório, visto que foi concebido e elaborado tendo como uma de suas finalidades a de adquirir o domínio das técnicas de quantificação e de processamento eletrônico capazes de produzir, num futuro que espero próximo, um léxico de frequência do Português culto do Brasil, que poderá incluir as modalidades oral e escrita. 

 R$ 25,00
TÍTULO: Assentamentos rurais e cidadania: a construção de novos espaços de vida
ASSUNTO: Ciências Sociais
ORGANIZADORA: Mirian Cláudia Lourenção Simonetti
ISBN: 978-85-7983-142-3PÁGINAS: 188
ANO: 2011


  
Os textos reunidos nessa coletânea trazem para reflexão questões referentes aos movimentos sociais, reforma agrária e assentamentos rurais. Muitas outras publicações já trouxeram a luz diferentes enfoques sobre os assentamentos rurais, isto evidencia o quanto este tema é importante para as discussões sobre a questão agrária brasileira. A demanda por terra dos Sem Terra e suas experiências realizadas nos acampamentos e assentamentos, clama por compreensão visto que nenhuma sociedade pode pensar em mudanças sem refletir profundamente sobre todos os seus segmentos sociais. Em sua maioria, os textos presentes nessa coletânea tratam de pesquisas realizadas sobre o Assentamento Reunidas. Este Assentamento, localizado no município de Promissão, no oeste do Estado de São Paulo, tornou-se paradigmático visto que foi o primeiro a ser realizado, no estado de São Paulo.

R$ 25,00 
TÍTULO: O Farmer contra o Jeca: o projeto de revisão agrária do Governo Carvalho Pinto
ASSUNTO: Ciências Sociais
AUTORA: Célia Aparecida Ferreira Tolentino
ISBN: 978-85-7983-144-7PÁGINAS: 146
ANO: 2011


  
O Este livro é o resultado de minha pesquisa de mestrado relida com a distância de quase duas décadas. Como diria Roberto Schwarz, a propósito do belo e emblemático filme Cabra marcado para morrer, de Eduardo Coutinho: ?os fiéis quando se reencontram depois da provação, não são mais os mesmos do começo?. É quase impossível não reler com os olhos de hoje as certezas de ontem e fazer alterações, ao menos, para tornar certas passagens mais fluidas, mais fundamentadas e mesmo mais claras política e teoricamente. Mas, ainda que haja releitura e, alguma medida, reescritura, o material é sempre aquele coletado no período de 1984 a 1990 com o apoio de várias pessoas. Foram muitas as contribuições na época, especialmente, para a garimpagem dos documentos referentes ao governo de Carvalho Pinto e sua proposta de Revisão Agrária Paulista, muitos dispersos, sumidos e propositalmente esquecidos nos anos posteriores ao seu governo. 

R$ 25,00
TÍTULO: A(in)sustentabilidade do desenvolvimento: meio ambiente, agronegócio e movimentos sociais
ASSUNTO: Ciências Sociais
ORGANIZADORA: Mirian Cláudia Lourenção Simonetti
ISBN: 978-85-7983-140-9PÁGINAS: 208
ANO: 2011


  
Os textos reunidos nesta coletânea têm por eixo norteador os temas do título A(in)sustentabilidade do desenvolvimento: meio ambiente, agronegócio e movimentos sociais, onde se procurou refletir sobre a viabilidade e as consequências do desenvolvimento sustentável no mundo contemporâneo. Edgar Morin, em fins do século passado, alertava para o fato de estarmos enfermos do desenvolvimento. Para o autor, ele se revela contaminante da natureza e das culturas. O que fazer? É suficiente criticar o mal desenvolvimento e redefini-lo? Procurar outro desenvolvimento, tal como desenvolvimento humano, social, sustentável, alternativo? Nesta procura por outro desenvolvimento, o esforço de re-conceituação descobre e incorpora novos adjetivos que qualificam o essencial, desenvolvimento, uma idéia tragicamente subdesenvolvida (MORIN, 1993).  Os textos se dividem em dois grandes blocos. No primeiro deles Visões da natureza, são apresentados temas teóricos mais amplos sobre a diversidade de visões das naturezas. No texto Notas sobre o pensamento futuro e o saber indígena o autor Sergio Augusto Domingues lança mão das contribuições de autores da antropologia e filosofia, com o objetivo de realizar um dialogo entre esses autores e os saberes indígenas em torno da catástrofe ecológica. O objetivo da investigação reside na possibilidade dar visibilidade a outros saberes, sobretudo os saberes dos líderes espirituais e pensadores indígenas no trato com o meio ambiente e com a natureza. Para o autor, o diálogo com os saberes indígenas sobre as catástrofes ambientais pode abrir espaço para um pensamento múltiplo, nômade e planetário.
TÍTULO: Relações Internacionais e Direitos Humanos
ASSUNTO: Relações Internacionais
ORGANIZADOR: José Blanes Sala
ISBN: 978-85-7983-138-6PÁGINAS: 107
ANO: 2011


   
No 2º Seminário "Relações Internacionais e Direitos Humanos", organizado pelo grupo de pesquisa cadastrado no CNPq  "Relações Internacionais e Política Exterior do Brasil" no Campus de Marília, o qual teve lugar o dia 17 de junho de 2010, apresentaram-se os trabalhos que alguns participantes do grupo de pesquisa desenvolveram ao longo do ano. Os referidos trabalhos foram objeto de análise por alguns professores que discutiram o seu conteúdo em foro organizado pelo mencionado seminário. O professor Andreas Hofbauer, antropólogo, o professor José Geraldo Bertoncini Poker, sociólogo, o professor Marcelo Fernandes de Oliveira, cientista político, e o professor Sérgio Luiz Cruz Aguilar, cultor do direito internacional. As suas observações, advindas das respectivas diversas formações contribuíram poderosamente para melhorar o conteúdo dos textos apresentados, tornando-os assim aptos para a presente publicação. O primeiro trabalho apresentado neste livro desenvolve a discussão sobre a origem internacional das Declarações de Direitos Humanos e a questão da universalidade. Nos dois trabalhos subseqüentes desenvolve-se, de forma diferente e complementar em ambos, a questão da aplicação eficaz no âmbito estatal dos direitos humanos, mostrando aspectos do seu processo de internalização dos valores e dos instrumentos jurídicos, principalmente pela absorção dos tratados. Nos dois derradeiros capítulos apresentados está presente a ação institucional que geram os dispositivos de direito internacional dos direitos humanos a fim de proteger os indivíduos.

 R$ 25,00
TÍTULO: Michel Foucault: sexualidade, corpo e direito
ASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Luis Antonio Francisco de Souza; Thiago Teixeira Sabatini; Bóris Ribeiro de Magalhães
ISBN: 978-85-7983-136-2PÁGINAS: 228
ANO: 2011


  
A presente coletânea é o resultado dos debates ocorridos no Seminário Michel Foucault: corpo, sexualidade e direito, que ocorreu na Faculdade de Filosofia e Ciências, da Universidade Estadual Paulista, em junho de 2010. As investigações de Michel Foucault sobre as tecnologias e dispositivos que modelam o corpo na modernidade têm sugerido um profícuo debate multidisciplinar entre pesquisadores brasileiros que exploram as intersecções entre corpo, sexualidade e direito.
TÍTULO: Organizações & Democracia
ASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Candido Giraldez Vieitez & Neusa Maria Dalri
ISSN: 977-1519-0110PÁGINAS: 146
ANO: v.11, n.2, 2010


  
Apresentamos aos leitores o volume 11, número 2, de ORG&DEMO relativo ao ano de 2010. Este número de ORG&DEMO mais uma vez apresenta-se heterogêneo, tanto em função das problemáticas abordadas, como pelas diferentes opções teórico-metodológicas dos autores. Também são diversas as filiações acadêmicas dos autores, o que mostra a penetração
do periódico.


R$ 12,00
TÍTULO: Glossário de termos técnicos em Ciência da Informação - Inglês/Português
ASSUNTO: Ciência da Informação
Autora: Mariângela Braga Norte
ISBN:  978-85-7983-075-4 PÁGINAS: 48
ANO: 2010


  
A terminologia de Ciência da Informação em inglês e português, em um conjunto de 1.132 termos, é aqui apresentada para uso de alunos, docentes, pesquisadores e profissionais bibliotecários e arquivistas que necessitam compreender com mais precisão e profundidade o significado de termos técnicos que fazem parte do cotidiano cada vez mais globalizado de bibliotecas e arquivos. É com esse intuito que a Professora Doutora. Mariangela Braga Norte elaborou este Glossário uma vez que se deparou com a dificuldade de seus alunos de graduação de Biblioteconomia e Arquivologia, na disciplina "Inglês Instrumental", quanto à competência linguística de termos técnicos em inglês e seus significados em português. O esforço em garantir a aprendizagem e a competência lingüística de seus alunos o tema da pesquisa realizada durante o Programa de Estágio Docente de Pós-Doutorado na University of Leeds, Inglaterra, sob orientação do Prof. Dr. John Holmes, que resultou na elaboração deste glossário. A autora tem a formação adequada que lhe propicia realizar com competência a elaboração de um glossário como este, pois além de seu pós-doutorado tem mestrado e doutorado na área de Letras e Livre-Docência sobre "Experiência Docente: Leitura em Língua Inglesa e Termos Técnicos na Ciência da Informação". A forma simples e correta de apresentação do glossário demonstra que o objetivo principal é fornecer aos leitores interessados um instrumento de trabalho atualizado e apropriado para o campo da Ciência da informação. Termos como Virtual Library (cf.p.99), que aparecem na literatura estrangeira mais amiúde pelo seu significado inovador, são potencialmente instigantes ao exercício profissional de bibliotecários e às pesquisas em andamento em Ciência da Informação. Neste glossário, a exemplo de vários outros termos, a definição tem a devida garantia literária e é feita com uso de citações de textos consagrados na literatura publicada sobre o assunto para fornecer ao leitor uma compreensão que vai além da simples tradução do termo. Mas, para outros termos a autora também coloca seu conhecimento à disposição para preencher o campo definitório quando a literatura não oferece condições para isso, ou quando existe mais de uma definição, organiza-as de modo consistente e para facilitar ainda mais a compreensão do leitor, inclui exemplos e remissivas. A inserção da Professora Doutora Mariângela Braga Norte na área de Ciência da Informação se deve não só pela sua convivência com os colegas do Departamento de Ciência da Informação, no qual me incluo com respeito e admiração, mas, sobretudo, pela sua afinada convivência com a sala de aula o que proporciona a devida garantia de uso deste glossário que é, certamente, muito bem vindo. (Dra. Mariângela Spotti Lopes Fujita, Titular do Departamento de Ciência da Informação da Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP  - Campus de Marília.)
TÍTULO: Organizações & Democracia
ASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Candido Giraldez Vieitez & Neusa Maria Dalri
ISSN: 977-1519-0110PÁGINAS: 146
ANO: v.11, n.1, 2010


   
Apresentamos aos leitores de ORG&DEMO a primeira edição semestral de 2010. A novidade neste número é que para atender as demandas, bem como as necessidades de estudo e discussão de linha de pesquisa, abrimos uma nova seção denominada Democracia, Direitos Humanos e Gênero. Nesta edição o leitor e a leitora encontrarão artigos que abordam emas significativos e importantes sobre as temáticas que integram a ORG&DEMO. São quatro artigos elaborados por autores nacionais e dois por autores estrangeiros, o que nos permite colocar à disposição dos/as leitores/as artigos consistentes, com abordagens teórico-metodológicas diferenciadas e que trazem resultados de pesquisas e experiências científicas de lugares diferentes.
TÍTULO: Organizações & DemocraciaASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Candido Giraldez Vieitez & Neusa Maria Dalri
ISSN: 977-1519-0110
PÁGINAS: 172
ANO: v.10, n.1/2, 2009


 
É com satisfação que apresentamos aos leitores e leitoras os números 1/2, do volume 10, da Revista ORG & DEMO, agora, além de impressa, também em versão digital (online) disponível no endereço http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/orgdemo. Na Seção denominada Cooperativismo, economia solidária e autogestão encontram-se dois artigos. No primeiro artigo, de autoria de Dario Azzellini, intitulado Economía solidaria, formas de propiedad colectiva, nacionalizaciones, empresas socialistas, co- y autogestión en Venezuela, o autor faz um balanço do desenvolvimento do trabalho associado na Venezuela. Apresenta as diferentes iniciativas e medidas adotadas pelo governo venezuelano,desde o ano de 2000, para reforçar o cooperativismo. 
TÍTULO: Educação em RevistaASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Graziela Z. Abdiam; Martha dos Reis & Tânia A.M. Brabo
ISSN: 977-1518-7926PÁGINAS: 108
ANO: v.11, n.1, 2010


   
Em continuidade à discussão que a Educação em Revista buscou promover acerca de Educação, direitos humanos e cidadania, apresentamos o terceiro volume com artigos de pesquisadoras e pesquisadores que abordam o tema em pauta, sob diferentes aspectos. Pretendemos contribuir para o aprofundamento do debate e do conhecimento a respeito da temática, apontando para a importância da educação para a cultura dos direitos humanos. Entendemos que a educação sozinha não pode transformar o todo social, contudo, pode cooperar para a reflexão e ação na perspectiva de uma sociedade democrática, da qual os direitos e a cidadania são pressupostos.

R$ 25,00
TÍTULO: Experiência, educação e contemporaneidadeASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: Pedro Angelo Pagni & Rodrigo Pelloso Gelami
ISBN: 978-85-7983-062-4PÁGINAS: 248
ANO: 2010


  
A experiência tem sido um tema filosófico recorrente em boa parte da história da Filosofia, tornando-se objeto de intensa polêmica, na modernidade, e se constituindo como um problema na contemporaneidade. Com o diagnóstico de seu empobrecimento no âmbito da vida social, em meados do século XX, e das inúmeras tentativas filosóficas de subordinarem a uma linguagem as suas formas de expressão, no campo filosófico, a experiência perde o valor que até então lhe era atribuído socialmente, por um lado, convertendo-se em experimentum, no meio acadêmico, graças ao desenvolvimento das ciências modernas e de sua institucionalização, nas universidades. Por outro lado, transformando-se num problema que tanto afeta o âmbito da existência cotidiana quanto perturba o almejado desenvolvimento científico e tecnológico, essa desqualificação da experiência, como condição necessária à formação humana e ao pensar que o sujeito exerce sobre si mesmo, a fim de melhor se conduzir no mundo, passa a circular nos diversos campos que permitem a interação entre a vida e a ação consciente, dentre os quais a educação. A repercussão desse problema contemporâneo, no campo da educação, foi objeto de análise em diversas pesquisas e estudos atuais em Filosofia da Educação ou sobre o ensino de Filosofia. Não obstante a abordagem dessa questão, na educação, pesquisadores desses campos vêm discutindo, não apenas seus limites, como também as condições de possibilidades de se retomar a experiência como elemento imprescindível à prática do pensar, na práxis educativa. 
Para isso, recorrem a uma ampliação das linguagens e da comunicação empregadas nessa prática, para compreender as suas dimensões estéticas, éticas e políticas. Assim, tais pesquisadores se apropriam das perspectivas filosóficas contemporâneas, as quais tratam dessa temática, a começar pelo Pragmatismo, passando pela Filosofia Analítica, até chegar aos expoentes das Teorias Críticas e da Filosofia da Diferença.


R$ 25,00
TÍTULO: Celso Furtado: os desafios do desenvolvimentoASSUNTO: Economia
ORGANIZADORES: Francisco Luiz Corsi & José Marangoni Camargo
ISBN: 978-85-7983-064-8PÁGINAS: 260
ANO: 2010
 

  
O presente livro resulta dos debates ocorridos na X Jornada de Ciências Sociais "Jornada de Estudos Celso Furtado", ocorrida na Faculdade de Filosofia e Ciências em 2006. As Jornadas de Ciências Sociais são organizadas, desde 1986, com o objetivo de discutir a obra de importantes autores brasileiros, que tiveram significativa contribuição para as Ciências Humanas no país. Celso Furtado foi um dos maiores intelectuais brasileiros do século XX. Juntamente com Caio Prado Junior, Gilberto Freire, Sérgio Buarque de Holanda e Florestan Fernandes, contribuiu sobremaneira para a interpretação crítica do Brasil moderno. Sua obra, que alcançou significativa projeção internacional, transcende o campo da economia, influenciou o conjunto das Ciências Sociais. Discutir a obra de Celso Furtado é discutir a história da Economia, das Ciências Sociais e a própria história política brasileira no período recente. Intelectual engajado, foi um dos principais protagonistas da industrialização brasileira e das lutas que marcaram esse processo. Buscou compreender as razões do subdesenvolvimento e dos problemas que o acompanham: a miséria, o desemprego, a desigualdade social, a concentração da renda, as desigualdades regionais etc. Foi um lutador incansável por um desenvolvimento autônomo, democrático e justo socialmente. Questões que continuam a nos desafiar ainda hoje.

R$ 25,00
TÍTULO: Novos atores e relações internacionaisASSUNTO: Relações Internacionais
ORGANIZADORES: Lídia M. Vianna Possas & José Blanes Sala
ISBN: 978-85-7983-065-5PÁGINAS: 444
ANO: 2010


  
A "Semana de Relações Interna-cionais" promovida anualmente pelos Conselhos dos Cursos de Relações Internacionais da Unesp de Marília e Franca é um evento de natureza acadêmico - cientifico que vem se consolidando desde 2003 como um espaço de debate, de troca de experiências, de pesquisas e principalmente de reflexões sobre temáticas inéditas que provocadas por conjunturas em mudança colocam para a área de relações internacionais questões e problematizações, confirmando sua relevância e projeção nacional e internacional. Em 2007 a proposta temática debruçou-se sobre a ação dos NOVOS ATORES e as relações internacionais, tendo como sede do evento, a cidade de Marília. Para tanto o espaço de reflexão concentrou-se em compreender os novos dilemas e atores societais frente às transformações politico-culturais, bem como os ajustes nas políticas econômicas neoliberais de processos históricos específicos de (re) democratização, tendo em vista as transformações observadas a partir da década de 1980. Para tanto o desafio proposto foi de analisar como se processou a construção democrática e os desdobramentos diante da presença de novos protagonistas sociais, de organi-zações e movimentos sociais bem com o instituições da sociedade pós industrial, no contexto de conso-lidação e institucionalização de uma cultura política democrática que obrigatoriamente abriu espaços para formas de ação, de articulação frente os aparelhos políticos burocráticos, colocando frente à frente o Estado e a sociedade civil exigindo ainda uma maior inserção no cenário global.

R$ 25,00
TÍTULO: Trabalho associado, economia solidária e mudança social na América LatinaASSUNTO: Cooperativismo; Trabalho associado
ORGANIZADORA: Neusa Maria Dal Ri
ISBN: 978-85-7983-063-1PÁGINAS: 276
ANO: 2010


  
O 3º Seminário Acadêmico Internacional de PROCOAS foi realizado nos dias 12 e 13 de setembro de 2007, na Faculdade de Filosofia e Ciências, Unesp, Campus de Marília, na cidade de Marília, Brasil. A realização desse Seminário constituiu-se em uma oportunidade ímpar para articular o debate, a troca de conhecimentos, experiências e idéias acerca da economia solidária e trabalho associado enquanto agentes de mudança social. A obra que ora apresentamos aos leitores congrega os principais trabalhos apresentados e discutidos neste evento. Esses trabalhos apresentam resultados de pesquisas e experiências de diferentes autores de diversas universidades da América Latina no âmbito da economia solidária e do trabalho associado. Os trabalhos foram divididos em quatro eixos temáticos que explicitam as principais problemáticas e questões que perpassam o tema do trabalho associado e a mudança social. O evento integrou representantes de várias universidades da América Latina, dessa forma, optamos por deixar os artigos na língua original em que foram escritos. Esperamos que os textos aqui apresentados possam contribuir para com as reflexões e debates sobre o fenômeno do trabalho associado e mudança social na América Latina.

R$ 25,00
TÍTULO: Relações Internacionais: polaridades e novos/velhos temas emergentesASSUNTO: Relações Internacionais
ORGANIZADORES: José Blanes Sala & Ana Lúcia Gasparoto
ISBN: 978-85-60810-21-5PÁGINAS: 228
ANO: 2010


   
A presente obra surge como propósito natural de uma intensa jornada acadêmica, a VII Semana de Relações Internacionais da Unesp, onde ficam expostos as mais diversas reflexões, idéias e argumentos, por parte de professores, alunos de pós-graduação e pesquisadores ou intelectuais convidados. Trata-se de um trabalho coletivo, onde a união dos esforços solitários de cada participante, no caso, cada autor deste livro, financiado pela Capes, se centra nas observações dos últimos anos a respeito dos fenômenos mais importantes para as Relações Internacionais. Os referidos fenômenos formam um complexo caleidoscópio de novos e velhos temas. Política, economia, paz, meio ambiente e gênero: são alguns deles que nos serviram para agrupar os textos. Na verdade, nos escritos ora publicados há, em seu interior, também outros temas tão relevantes quanto os elencados, certamente também novos e velhos, mas todos eles atuais, objeto da percuciente análise dos nossos autores.

R$ 25,00
TÍTULO: Ciência da Informação: múltiplos diálogos
ASSUNTO: Ciência da Informação
ORGANIZADORES: Helen de Castro Silva & Maria Helena T.C. de Barros
ISBN: 978-85-60810-16-1PÁGINAS: 116
ANO: 2009


  
A coletânea de oito textos reunidos neste livro apresenta reflexões sobre a ciência da informação, sobre a informação como um de seus objetos de estudo e a sobre as perspectivas de formação e atuação dos profissionais ligados à informação. Os textos abordam a organização, a transferência e a preservação da informação e seus suportes digital ou impresso, como o livro antigo ou raro, por exemplo. Também é tratada a necessidade de se atentar as informações não estão registradas, como no caso das manifestações culturais, por exemplo, cujo conteúdo dificilmente é considerado nos fazeres da área, mas não podem ser desprezadas. As políticas nacionais e internacionais voltadas para a informação e a cultura são analisadas de forma a verificar a possibilidade do estabelecimento da sociedade da informação na região e o papel do bibliotecário neste processo. Outros dois textos tratam das relações da ciência da informação com outras áreas do conhecimento, como as letras, por exemplo, e o impacto produzido por esses diálogos na produção científica da área. Finalmente, as perspectivas de atuação para os profissionais que lidam com a informação são delineadas, tendo em vista a validade dos princípios básicos da formação deste profissional nos novos cenários que se vislumbra. Os autores - Johanna W. Smit, Solange Mustafa, Emir José Suaiden e Sidney Barbosa - são pesquisadores de grande representatividade no cenário nacional ou possuem destacada atuação profissional na área: Ana Virgínia Paz Pinheiro e Maria Cecília da Fonseca. A obra conta ainda com duas prestigiosas contribuições de autores de reconhecimento internacional: Isidro Fernández-Aballi e Thomas Froelich. Esperamos que a obra possa fomentar os debates sobre a formação do profissional da informação e contribuir nas reflexões científicas sobre a Ciência da Informação.

R$ 25,00
TÍTULO:Idéias e Cultura nas Relações Internacionais
ASSUNTO: Relações Internacionais
ORGANIZADORES: Célia Tolentino; Lídia M. Vianna Possas & Rodrigo A. Correa
ISBN: 978-85-60810-02PÁGINAS: 130
ANO: 2007


  
Os textos que aqui apresentamos colocam em questão os paradigmas e as perspectivas analíticas das Relações Internacionais à luz do multiculturalismo, temática que se impós no cenário internacional dos últimos anos, colocando em xeque conceitos, categorias e sistemas explicativos das políticas internacionais além de elas próprias. Sob o tema o papel das idéias e da cultura nas Relações Internacionais, os autores refletem sobre a pluralidade social e cultural que perpassa - ou devem perpassar - as políticas econômicas e estratégicas, as relações de poder, os accordos multilaterais, enfim, toda a agenda internacional do novo cenário que desponta neste início do século XXI.

R$ 25,00
TÍTULO:Percursos e perspectivs na formação de professores das séries iniciais
ASSUNTO: Educação
ORGANIZADORES: M. Fátima Abdalla; M. Cecília Ferreira & Sérgio Leite
ISBN: 978-85-60810-01-7
PÁGINAS: 142

ANO: 2007
 

  
Os textos apresentados neste livro estão orientados por três eixos os quais lhes dão sentido prático, social: a) aspectos teórico-metodológicos nos projetos de desenvolvimento profissional do docente; b) projetos de parcerias no desenvolvimento de capacidades pedagógicas de professores; c) ampliação de conhecimento sobre práticas pedagógicas. A intenção dos seus autores é mobilizar os leitores a aprofundarem o conhecimento do impacto da formação inicial e contínua sobre a constituição da epistemologia da prática docente, de forma a ressignificar as concepções teórico-metodológicas relacionadas às séries iniciais do ensino fundamental, provocar uma reflexão sobre a pesquisa como espaço formativo e colaborativo, construtor de novas referências para o professor e para os alunos desse nível de ensino, uma vez que a formação inicial e contínua do professor deve alterar práticas tradicionalmente excludentes das escolas, em favor de práticas mais democráticas.

R$ 25,00
TÍTULO:Classificação, Seriação e Contagem no Ensino do Número: Um Estudo de Epistemologia Genética
ASSUNTO: Educação
Autora: Clélia Nogueira
ISBN: 978-85-60810-00-0PÁGINAS: 246
ANO: 2007


  
Os textos apresentados neste livro estão orientados por três eixos os quais lhes dão sentido prático, social: a) aspectos teórico-metodológicos nos projetos de desenvolvimento profissional do docente; b) projetos de parcerias no desenvolvimento de capacidades pedagógicas de professores; c) ampliação de conhecimento sobre práticas pedagógicas. A intenção dos seus autores é mobilizar os leitores a aprofundarem o conhecimento do impacto da formação inicial e contínua sobre a constituição da epistemologia da prática docente, de forma a ressignificar as concepções teórico-metodológicas relacionadas às séries iniciais do ensino fundamental, provocar uma reflexão sobre a pesquisa como espaço formativo e colaborativo, construtor de novas referências para o professor e para os alunos desse nível de ensino, uma vez que a formação inicial e contínua do professor deve alterar práticas tradicionalmente excludentes das escolas, em favor de práticas mais democráticas.


R$ 25,00
TÍTULO:Inclusão do aluno com deficiência na escola: os desafios continuam
ASSUNTO: Educação Especial
Organizador: Eduardo José Manzini
ISBN: 978-85-99643-10-5PÁGINAS: 256
ANO: 2007


A presente coletânea se refere aos trabalhos de pesquisas que foram apresentados por ocasião da 8ª Jornada de Educação Especial, promovida pelo Departamento de Educação Especial da Unesp, Campus de Marília. Contou com o apoio da Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial e foi gerenciada pela Fundepe - Fundação de Ensino, Pesquisa e Extensão. As pesquisas, desenvolvidas e apresentadas neste livro, demonstram que a inclusão do aluno com deficiência na escola é ainda um tema polêmico nos dias atuais e alerta para os desafios cotidianos. As pesquisas, aqui relatadas, indicam que a escola ainda carece de uma prática pedagógica para que a inclusão possa concretizar- se.
Post a Comment